#425: Quando ela se foi – Myron Bolitar IX – Harlan Coben

, em sexta-feira, 21 de abril de 2017 ,
Bookmark and Share

Editora: Arqueiro
Páginas: 250
Ano: 2011

Sinopse (Skoob):
Dez anos atrás, Myron Bolitar e Terese Collins fugiram juntos para uma ilha. Durante três semanas, eles se entregaram um ao outro sem pensar no amanhã.
Depois disso, eles se reencontraram apenas uma vez, quando Terese ajudou Myron a salvar seu filho. E ela foi embora, sem deixar vestígios. Agora, no meio da madrugada, ela telefona: “Venha para Paris”.
Terese pede a ajuda de Myron para localizar o ex-marido, Rick Collins, que telefonara depois de anos implorando que ela o encontrasse em Paris. Eles logo descobrem que Rick foi assassinado e que Terese é a principal suspeita do crime.
Mas algo ainda mais atordoante é revelado: perto do corpo havia longos fios de cabelo louros e uma mancha de sangue que o exame de DNA revelou pertencer à filha do casal. Só que sua única filha morrera em um acidente de carro muitos anos antes.
Logo Myron se vê perseguido nas ruas de Paris e de Londres. As agências de segurança de quatro países parecem querer as mesmas informações de que ele precisa para desvendar a morte de Rick e o destino da filha que Terese pensava ter perdido para sempre.
Um dos autores mais premiados e lidos no mundo, Harlan Coben traz uma nova história com o carismático Myron Bolitar em uma busca frenética por três continentes.
Em uma busca desesperada, Coben cria um mundo de armadilhas imprevisíveis em que conflitos religiosos, política internacional e pesquisas genéticas se mesclam a amizade, perdão e a chance de um novo começo.


Há quase sete anos Terese Collins sumiu no mundo e deixou Myron Bolitar sem notícias. Eles tiveram um interlúdio de 3 semanas em uma ilha deserta quando os dois estavam se recuperando de momentos traumáticos há dez anos e três anos depois disso ela o ajudou a salvar um garoto, então sumiu.
Depois de se envolver em um problema que ameaçou a filha da namorada dele de certa forma, o relacionamento de Myron e Ali Wilder está um pouco estremecido. Ao receber uma ligação no meio da madrugada de Terese, com quem ele não fala há anos, lhe pedindo ajuda, Myron fica balançado entre ir à Paris ajuda-la ou se manter fora de problemas. Por fim, ele viaja.
O que Terese quer é que Myron encontre seu ex-marido, Rick Collins, pois ele ligou para ela e disse que tinha informações sobre a filha deles. O problema é que a garotinha tão amada tinha morrido ainda criança em um acidente que arrasou com a vida de Terese. E agora Rick afirmava que ela estava viva.
Myron logo descobre que o homem está morto, assassinado. A polícia começa a suspeitar de Terese e Myron fica envolvido bem no meio disso, sofrendo ameaças da polícia e de outras pessoas.

Esse volume é o que leva o Myron a se envolver numa das piores tretas da vida dele, porque ele se mete em uma investigação clandestina internacional. E pensem! O perigo aumenta muito para ele e ele sofre um bocado.
Pausa para um parágrafo de apreciação ao Win. Que amigo esse cara é! Ele pode ter aquela pose de riquinho playboy que não liga para as coisas, mas é o melhor amigo que um cara poderia ter. Claro que eu não gosto muito do jeito como ele enxerga as mulheres, mas quando se trata da amizade dele com o Myron: 100% de aprovação e muitas palmas. Win dá uns conselhos que me deixam até chocada. (rs) E o mais importante é que ele está quase sempre disposto a ajudar o Myron, seja em que confusão que este se meta.
Além dos muitos problemas em que o Myron se mete nesse volume, a vida pessoal dele se redefine e acho que não está tão longe de ele conseguir ser feliz de verdade. Quer dizer, é isso que eu espero. Não vejo a hora de ver esse personagem que eu adoro sendo realmente feliz.
Se você ainda não conhece essa série, você precisa! E, por favor, leia na ordem! (Primeiro os dez livros do Myron, depois os três do Mickey e agora vamos esperar a Arqueiro lançar Home, o 11º livro do Myron, que saiu nos EUA ano passado.)

Nota: 5/5.

Série Myron Bolitar:
Quando Ela se Foi
Alta Tensão
Home – sem previsão de lançamento no Brasil.

Série associada – Mickey Bolitar:

Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Abril.

Nenhum comentário :

Postar um comentário